Vanja Poty: “A Cena e o Sonho”

 

 

Fundamentado na crítica de processos criativos, este livro busca investigar as formas de organização criativa do Odin Teatret e de seu diretor Eugênio Barba. A discussão tem como base a pesquisa do tratamento dado ao corpo na formação de seus atores, a noção de técnica e de Antropologia Teatral proposta pelo grupo, e a reflexão de sua trajetória a partir da encenação O Sonho de Andersen, realizada em 2004. Destacamos o inacabamento, o fluxo, a não linearidade e a mobilidade do objeto de estudo, por meio da discussão sobre a dimensão coletiva do projeto poético do grupo e sobre o papel do encenador como criador e espectador particular do chamado processo colaborativo. Na obra, acredita-se na cena como forma dialógica e não linear de comunicação ativa entre artistas e público – de “despertamento” da capacidade imaginativa. A partir desta proposição, trataremos o sonho e o rito como potências fomentadoras da criação, interrogando como estes atuam na construção cênica do ensemble.

 

Ver o site da editora Paco Editorial para adquirir o livro em:

http://goo.gl/MbuiEq